Kokedama

Kokedama: Jardim por um fio

Que tal dar um toque especial na decoração da casa e criar uma kokedama? Alguém sabe o que é isso?

No artigo de hoje vamos mostrar como é possível criar uma decoração diferente e interessante capaz de transformar o ambiente.

Kokedama em japonês, quer dizer: KOKE (musgo) + DAMA (bola) – bola de musgo-, uma técnica oriental de plantar sem vasos que pode ser feita com quase todas as plantas.

Na verdade é um tipo de bonsai, muito na moda por ocupar pouco espaço e trazer a beleza, a elegância e a simplicidade do tradicional arranjo japonês. Mas, atenção! Como qualquer outra, tem regras, segredos e produtos específicos.

A manutenção é simples, mas é necessário ter um pouco de atenção.

Luminosidade: Não necessita de muita luz direta, então escolha plantas de meia-sombra;

Rega: Mergulhar a bola em água por cerca de 5 minutos já é o suficiente para garantir que ela fique bem molhada.

Adubação: Utilize adubo inorgânico (NPK 10-10-10), mas só adube a cada 3 meses;

Poda: Só é necessário podar as folhas secas.

Quer aprender a fazer você mesmo essa técnica oriental? Confira a seguir o passo a passo.

Materiais Necessários:

Mudas pequenas

Terra de bonsai, turfa ou akedama

Musgo seco ou musgo esfagno ressecado e musgo vivo

Fio de algodão ou barbante de algodão cru e linha de algodão verde.

Como fazer:

Misturar partes de turfa (ou akedama) e terra de bonsai na proporção de 7 partes de turfa para 3 de terra de bonsai. Adicione água aos poucos para formar uma pasta não muito úmida, porém que não quebre ao ser moldada.

Modele com a pasta de terra, bolas não muito grandes, mas que sejam suficientes para abrigar as mudas. Reserve.

Prepare as mudas retirando o máximo de terra do entorno das raízes. Tenha cuidado, pois, as raízes ficarão aparentes.

Envolva as raízes com musgo seco (pois funcionará como hidratante, mantendo as raízes úmidas) e amarre sem apertar com o barbante de algodão cru.

Pegue as bolas de terra reservadas, faça furos bem no centro delas e coloque nos furos as mudas envolvidas com o musgo. Todas as raízes deverão ficar cobertas pela terra.

Para terminar, envolva a bola de terra com o musgo vivo (não deixe espaços abertos), fixe com a linha de algodão verde, de maneira que mantenha o musgo no lugar.

Depois disso pendure seu kokedama, de preferência em um lugar agradável e com sombra, lembrando que o importante é valorizar o vaso de terra e musgo.

Viu como é fácil!