Blog

Campanha Março Lilás

O terceiro mês do ano chegou e com ele chega também a Campanha Março Lilás, que tem como objetivo, conscientizar as mulheres sobre a importância de fazer o exame de prevenção ao câncer do colo uterino, mais conhecido como Papanicolau.

O câncer de colo de útero é o terceiro mais comum entre as mulheres no Brasil. Segundo o INCA (Instituto Nacional do Câncer) são diagnosticados cerca 17 mil casos novos e morrem cerca de 6 mil mulheres no Brasil por ano de câncer de colo de útero.

Através do exame é possível identificar infecções vaginais ou sexualmente transmissíveis e, principalmente, alguma lesão precursora de câncer do colo uterino, que é o terceiro tumor mais frequente na população feminina, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca).

Dentre as patologias que podem ser detectadas através do exame, a que mais chama a atenção é à infecção pelo Papilomavírus humano, o HPV – doença sexualmente transmissível de maior prevalência no mundo e mais comum em mulheres jovens.

O câncer do colo de útero é uma doença silenciosa e de progressão lenta. Os sintomas, quando ocorrem, são pouco específicos, como sangramentos, dor e corrimento.

A prevenção é feita evitando fatores de risco, como múltiplos parceiros sexuais, sexo não protegido e fumo, e promovendo a triagem e o tratamento precoce de lesões pré-cancerosas.

A vacina contra infecções por papilomavírus é segura, mas só é eficaz se aplicada antes da exposição inicial ao vírus.

Dentre todos os tipos de câncer, o de colo uterino é o que apresenta um dos mais altos potenciais de prevenção e cura, chegando perto de 100% quando diagnosticado precocemente e podendo ser tratado em nível ambulatorial em cerca de 80% dos casos.

Por isso, atenção. Quanto antes o diagnostico for feito, maiores as chances de cura.