40400729 - Woman Applying Protective Lotion Before Sunbathing At Beach

Descubra como proteger corretamente a sua pele durante o verão

Feliz Ano Novo! Feliz e bem quente, porque o sol chegou chegando e lotando as areias da Baixada Santista. É verão que vocês queriam? A esmagadora maioria das pessoas vai responder que sim, porque não existe combinação tão certa quanto férias e praia. É nessa hora que todo mundo pensa no bronzeado e no banho de mar, no churrasquinho e no sorvete, na cervejinha… E é nessa hora também que nós, do Shopping Parque Balneário, que estamos em frente à praia e vemos todo esse movimento, alertamos vocês, nossos leitores. Vocês estão fazendo isso errado.

O assunto do primeiro artigo do ano não poderia ser outro. Os cuidados com a pele no verão são importantes e todo mundo sabe, mas novamente a maioria esmagadora das pessoas se atenta apenas ao protetor solar. Tem muito mais. E quem explica é o dermatologista Fernando Tagliarini.

Para começar, você sabia que a sua pele tem memória? Pois é, as doenças de pele são resultado de vários anos sem dar a devida atenção ao maior órgão do seu corpo. “A principal função da pele é realizar a troca de informações entre o organismo e o ambiente externo. A radiação solar que ela recebe tem benefícios, como liberação de serotonina e produção de vitamina D, e malefícios, como queimaduras, fotodermatoses, envelhecimento precoce da pele e o câncer de pele. O dano solar é cumulativo durante toda a nossa vida”, esclarece o especialista. Por isso, a proteção é fundamental em qualquer fase da vida.

Falando nisso, crianças, adultos e idosos devem evitar o sol mais forte, que permanece entre 10h e 16h. Então, o horário da praia precisa ser revisto… E os papais merecem um aviso especial. Os bebês só podem usar protetor solar aos seis meses de idade. Antes disso, nada de castelinhos de areia para eles!

Para quem pratica exercícios físicos à beira-mar, outro recado. “A impressão de que estar em movimento evita ou diminui os efeitos nocivos da radiação solar é completamente errada”, confirma o dermatologista. Entendeu? Use protetor solar sempre.

Todas as farmácias e perfumarias oferecem uma infinidade de produtos que prometem a proteção solar da pele, mas alguns podem representar uma cilada para os consumidores. De acordo com Tagliarini, é importante seguir as orientações abaixo para escolher o protetor ideal.

 

– Escolha um produto com um fator de proteção 30 ou maior. O número vem escrito em todas as embalagens seguido das letras FPS, que significam “Fator de Proteção Solar” e indicam o quanto o filtro solar consegue nos proteger dos raios ultravioleta;

– Procure pelas palavras “amplo expectro”, que significam que o protetor solar protege contra os dois tipos de raios UV (ultravioleta A, que é o responsável pelo envelhecimento prematuro da pele, e ultravioleta B, que provoca queimaduras). A exposição a esses tipos de raios UV podem levar ao câncer de pele;

– Procure por um produto resistente à água. Nem todos os filtros apresentam essa propriedade, que indica a permanência na pele por uma hora após a exposição à umidade ou suor;

– Para peles sensíveis e para crianças, escolha um protetor solar físico, que contenha somente óxido de zinco ou dióxido de titânio. Evite os filtros que contenham fragrâncias, óleos e ácido para-amino-benzóico;

– O melhor protetor solar é aquele que você consegue aplicar e reaplicar ao longo do dia, então escolha um com o qual você se sinta à vontade.

 

Não sabia que o protetor solar precisava ser reaplicado? Então, vamos ensinar qual a forma correta de usar o produto. Aplique 30 minutos antes de ir para o sol e aguarde a pele absorver. Na aplicação, distribua o produto em todas as partes do corpo, inclusive orelhas, nuca, mãos e pés. A reaplicação deve ocorrer a cada 2 ou 3 horas, e imediatamente após entrar na água ou suar.

E a aplicação não deve ocorrer apenas antes da praia ou da piscina. “O uso do filtro solar deve acontecer mesmo quando não vamos nos expor propositalmente ao sol, e também em dias nublados”, revela Tagliarini.

Depois de ler esse artigo, imaginamos que vocês desistiram da praia. Mas, a gente deixou a boa notícia para o final. É possível relaxar na areia sem expor a sua pele aos malefícios causados pelo brilho do astro-rei. Use chapéu, óculos escuros com proteção e não se esqueça de reaplicar o protetor. Além disso, há lojas especializadas na venda de roupas com tecidos que também bloqueiam a radiação ultravioleta (no Shopping Parque Balneário temos uma, viu?).

Com essas informações, só vai brincar de camarão à milanesa nesse verão quem quiser. Cuide da saúde da pele, e garanta que ela fique sempre bonita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *