Sono

Descubra como cuidar da qualidade do seu sono

Na última sexta-feira (15) foi celebrado o Dia Mundial do Sono, data que tem a função de conscientizar as pessoas sobre a importância de dormir bem. Pensando em nossos leitores, decidimos falar sobre o assunto e descobrimos curiosidades relacionadas ao sono. Vocês sabiam que dormir mal engorda? E que as mulheres precisam de mais horas de sono do que os homens? E que as tão faladas “oito horas de sono” são mito? É, vamos surpreender vocês com tantas informações diferentes das que ouvimos a vida toda…

Palavra de especialista? Temos, é claro! Procuramos o Dr. Faustino Pacheco Filho, neurologista e especialista em Medicina do Sono, para esclarecer as nossas dúvidas. Logo de cara, descobrimos que as mulheres podem comemorar, porque está comprovado cientificamente que elas precisam dormir mais do que os homens! Esse resultado foi obtido em um estudo realizado pelo Centro de Pesquisa do Sono da Universidade de Loughborough, no Reino Unido. E o neurologista explicou os motivos. “O estudo concluiu que as mulheres desempenham múltiplas tarefas, e por consequência, apresentam maior cansaço. Aliado ao fator hormonal, esse panorama faz com que elas precisem dormir mais tempo”. Além disso, o estudo também observou que, quando as mulheres não descansam o suficiente, apresentam reações intensas como irritabilidade, tristeza e mau humor acentuados. Recado para os homens: não atrapalhem o sono delas!

De acordo com Pacheco, a qualidade do sono do ser humano piorou com o passar do tempo. A invenção da energia elétrica e, posteriormente, da internet, mudou completamente a rotina do homem. “Antigamente, se falava que a pessoa dormia e acordava com as galinhas, porque realmente dormíamos quando o sol se punha e acordávamos quando o sol nascia. A luz elétrica fez com que o ser humano criasse uma vida noturna, dormindo mais tarde, e a chegada da internet piorou ainda mais a situação porque muita gente passou a trocar o dia pela noite”, comenta o especialista. E ninguém percebe que a vida, mais cedo ou mais tarde, cobrará um preço alto por esses maus hábitos… “Quem não tem uma boa rotina de sono está exposto a muitos problemas, não importa a idade. Considerando que várias funções de regulação do organismo ocorrem durante o sono, as pessoas podem desenvolver mudança de humor, dificuldades para concentração e memorização, obesidade, doenças cancerígenas, entre outros distúrbios”. Duvidam? Nós provamos.

 

– Mudança de humor – Falamos do sexo feminino, mas os homens também tendem a ficar irritados e tristes quando não dormem bem, desenvolvendo problemas de socialização e cansaço excessivo ao longo do dia;

– Dificuldades para concentração e memorização – Com a mente cansada, é impossível dar atenção até às tarefas mais rotineiras, como fazer uma leitura e elaborar a lista de compras do supermercado;

– Obesidade – As pessoas que não dormem o suficiente são menos ativas e possuem mais tempo para comer, o que diminui a queima calórica;

– Doenças cancerígenas – As pessoas que não dormem o suficiente possuem queda no sistema imunológico, deixando o corpo suscetível ao surgimento de doenças, inclusive cancerígenas (que são aliadas a outros hábitos ruins).

 

Se, ao ler essas informações, alguém pensou “mas eu durmo seis horas por noite e me sinto bem”, parabéns! Não há problema, porque você sabe quantas horas de sono o seu organismo precisa para descansar totalmente. Essa é outra informação surpreendente: OITO HORAS DE SONO É MITO. A gente deixa vocês ficarem boquiabertos.

A verdade é que cada pessoa possui necessidades diferentes, inclusive em relação ao sono. “Há dormidores curtos (de 4h a 6h por noite), dormidores médios (de 6h a 8h por noite) e dormidores longos (de 10h a 12h por noite). Essa é a regra para os adultos, mas as crianças e adolescentes precisam realmente dormir mais para que tenham um desenvolvimento saudável. E os idosos precisam dormir menos, pois produzem melatonina em menor quantidade (hormônio que inicia e mantém o sono). Faz parte da necessidade de cada faixa etária”, orientou o médico. E vocês, em qual grupo se encaixam?

Também trazemos dicas nesse artigo. Mas antes, informamos que é impossível substituir uma boa noite de sono por sonecas diárias. Perdeu, está perdido, não podem ficar arrependidos! Agora sim, o Dr. Pacheco Filho vai listar os itens que compõem uma rotina de sono correta. “É preciso deitar todos os dias no mesmo horário; fazer uma refeição leve durante a noite, sem o consumo de refrigerante ou café; não praticar exercícios físicos cerca de quatro horas antes de dormir; não ler, nem assistir a filmes excitantes antes de dormir; diminuir as luzes do quarto; evitar discussões de casal, as famosas DRs, antes de dormir”. E nós complementamos: descansar pelo tempo que corpo precisar.

Com essas informações, a intenção é que nosso leitores valorizem o sono e os benefícios trazidos pela qualidade dele. Ganhar dinheiro dormindo ainda é propaganda enganosa da internet, mas cuidar da saúde dormindo é completamente possível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *