Cirurgia

Aprenda a usar a cirurgia plástica a favor da beleza e da saúde

Quer chegar no verão com seios fartos e mais femininos? Então, em primeiro lugar, procure um especialista que vai indicar o melhor tipo e o formato de acordo com seu biotipo físico. “É importante a avaliação individual da paciente. O que é bom para uma, pode não ser indicado para outra. É fundamental avaliar o biotipo para que o tórax fique em total harmonia com o contorno do corpo da mulher”, explica o cirurgião plástico Wilson Novaes.

Uma das cirurgias mais realizadas no Brasil, o implante de prótese de silicone pode ser inserido por via periareolar (a cicatriz fica em torno de parte da aréola), axiliar (com cicatriz quase invisível) e inframamária (a incisão é realizada no sulco da mama). “Também não uso prótese retromuscular (atrás do músculo peitoral) em todas. Cada técnica têm suas indicações específicas. A qualidade do silicone também é um fator que deve ser levado em conta. Somente podem ser utilizadas as próteses aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)”, esclarece o médico.

O silicone evoluiu muito. Segundo Wilson Novaes, “hoje trabalhamos com próteses seguras, praticamente sem risco de rompimento e que não mais tem a obrigação de serem trocadas a cada 10 anos”. No mês do ‘Outubro Rosa’, o especialista também ressalta que o uso do silicone não impede o auto-exame. “Em alguns casos, a prótese até facilita a palpação de alguns nódulos de mama. O silicone também não esconde a imagem de eventuais tumores tanto no ultrassom quanto na mamografia digital”. Outro alerta tranquilizante é que “silicone não causa câncer”. No mais, é só seguir os procedimentos pré e pós-operatórios para que a cicatrização ocorra de forma adequada.

O médico destaca a nova geração de implantes, com identificação que permite a avaliação interna do silicone com o passar dos anos. “É o avanço da tecnologia possibilitando que o especialista observe como está a condição da sua prótese de tempos em tempos. No futuro, teremos chips capazes de armazenar a leitura de exames como mamografia e ultrassom, proporcionando o histórico das condições da saúde da mama de cada mulher”. Que maravilha, não é? É a saúde e a beleza caminhando lado a lado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *