Correr

Aprenda a administrar as atividades físicas durante as férias e as festas

Dezembro chegou, e com ele as tão sonhadas e esperadas férias! E as Festas de Fim de Ano também, é claro. Tudo isso significa que a rotina da maioria das pessoas vai sofrer alterações, por causa das viagens marcadas e comidas gostosas que tem tudo a ver com Natal e Ano Novo. Mas, e a academia?

Apostamos que você pensou mais no pavê e no pernil do que na esteira. E é o que muitas pessoas fazem também. Por isso, procuramos a personal trainer Débora Santamaria para esclarecer algumas dúvidas sobre como ficam os treinos nessa época do ano e auxiliar você na programação.

Sim, programação. Não precisa largar a academia nas férias! “O sensato seria que as pessoas tentassem não abandonar a prática de exercícios, mas muitas pessoas acabam diminuindo a frequência ou não indo nesse período”, diz Débora. Entre as pessoas que deixam de frequentar a academia, algumas não voltam quando retornam à rotina.

Mas, ao mesmo tempo, a personal trainer defende que essa época seja destinada ao lazer. “As pessoas devem fazer o que proporciona bons momentos, e muitas vão à academia pensando na saúde e na beleza, mas não necessariamente é relaxante para elas. Às vezes, é mais estressante”, explica. Então, se o hotel que você reservou ou o navio em que você está tem uma academia e a sua vontade não é correr na esteira, tudo bem. Porém, do ponto de vista profissional, a recomendação é continuar com os exercícios nas férias, mesmo que em menor frequência.

Então, quem treinar corretamente em dezembro não terá problemas com as calorias do pavê e do pernil que falamos no começo desse artigo, certo? Não, é completamente errado. O primeiro passo para não brigar com seu corpo durante as Festas de Fim de Ano é entender que não existe milagre e que atividade física não é redenção. “Nenhum treino pode ser adotado para que a pessoa se sinta aliviada por comer demais. Toda ação tem uma reação. Se exagerou, vai engordar. Se conseguiu se controlar, vai manter o peso”, orienta a personal.

É importante ressaltar que ninguém engorda do dia para a noite, então exagerar só nas Festas não torna as pessoas obesas. A culpa é dos maus hábitos que cada um adota ao longo dos anos, conta a profissional. “Eu vejo as pessoas em busca de soluções rápidas. Desculpe, não vai acontecer. É preciso criar novos hábitos para ter uma vida saudável, e isso leva tempo”.

Ao retornar para a rotina em janeiro, também lembramos que você não terá o mesmo condicionamento físico de quando parou. Então, pegue leve. “O músculo tem memória, mas todas as pessoas precisam se readaptar”, aconselha.

Falando em criar novos hábitos, que tal experimentar não exagerar na comida e degustar um pouquinho de cada prato nesse Fim de Ano? A consciência não vai pesar, e o corpo vai continuar em dia. Pense nisso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *